Você será redirecionado/a para a história na qual essa parte de conteúdo se encontra, para que você possa lê-la dentro do contexto. Por favor, clique no link seguinte se não for direcionado/a automaticamente dentro de alguns segundos:
pt/brasil-mov-dos-pescadores-de-cassurubá-acusa-fibria-de-causar-impactos-socioambientais-perseguir-e-criminalizar-lideranças-comunitárias-restrição-à-participação-popular-empresa#c164084

Brasil: Resposta da Fibria

Autor: Fibria (Brazil), Publicado em: 17 October 2017

"Resposta Fibria para Centro de Informação sobre Empresas e Direitos Humanos sobre as operaões do Terminal Marítimo de Caravelas", 16 de outubro de 2017

O Terminal de Barcaças,...Bahia, opera desde março de 2003 e faz parte da estratégia da Fibria para diversificar sua matriz de transporte de madeira e reduzir o tráfego de carretas nas rodovias...Licenciada pelos órgãos competentes, a operação do Terminal de Barcaças atende...exigências estabelecidas, principalmente...monitoramento de aspectos ambientais e programas de apoio à comunidade da região...[A]...Fibria realiza anualmente...operação de dragagem no Canal do Tomba...[para]...garantir profundidade segura à navegação...[às]...barcaças...,...[a]...todas...embarcações...inclusive as dos pescadores. Essa operação de dragagem também é licenciada...A Fibria mantém um programa com vários monitoramentos ambientais, atendendo as exigências das licenças de operação...A fim de não interferir no movimento de migração das baleias jubarte que frequentam o extremo sul do litoral baiano durante o inverno, para reprodução, a Fibria também utiliza rotas diferentes para o tráfego das barcaças...A empresa também realiza, como parte das condicionantes..., ações de apoio à comunidade pesqueira e um programa de educação ambiental e de comunicação social. Este e os demais programas são constantemente discutidos e acompanhados em fóruns com a participação de representantes das comunidades de Caravelas e região. A Fibria já investiu cerca de R$ 1,3 milhão em iniciativas de apoio à atividade pesqueira no município...A empresa viu com surpresa as ações realizadas por um pequeno grupo de pescadores autônomos, não vinculados a associações de base, que culminaram com a paralisação de atividades no Terminal Marítimo...[em]...julho...Sobretudo por envolverem reivindicações ligadas à Coompescar...[com]...gestão...independente. Ainda assim, a Fibria, ...com outros representantes da comunidade e ONGs, participou da articulação de algumas reuniões entre as partes envolvidas. O resultado desse diálogo pode ser visto na própria Cooperativa, que ampliou de 24 para 68 o número de cooperados, com o ingresso de 44 novos integrantes...

Baixe o documento inteiro aqui